quarta-feira, março 22, 2006

A TVI e o "Circo das Atrocidades".



Escrevo aqui sobre um assunto sério.
A tvi está a lançar alguma euforia com o seu ultimo programa de m****: "O circo das celebridades".
O que muitas pessoas não sabes é o que está por detras de muitos deste circos pois só assistem à parte do espetáculo onde animais fazem acrobacias e inumeras coisas que não está na sua natureza fazer.
Todos estes animais estão afastados do seu habitat natural e mantidos em cativeiro toda a sua vida. Durante esta dolorosa vida os animais são submetidos a tortura quando são ainda pequenos para que aprendam estas acrobacias. São torturados até cederem e aprederem as números que tem que executar no espetáculo.
O Circo Victor Hugo Cardinali, é um dos mais cruéis circos portugueses no que se refere à maneira como os animais que neste são mantidos são tratados.
Na verdade, uma investigação especial recente da ANIMAL e da ADI – Animal Defenders International mostrou claramente a forma como, por exemplo, os elefantes deste circo são tratados, quando o seu próprio dono e director, Victor Hugo Cardinali, foi filmado a picar violentamente elefantes, nas zonas da tromba e dos olhos, com aguilhões, mesmo durante um espectáculo, com pessoas a assistir.
Além disso, três chimpanzés são mantidos neste circo, nas traseiras de uma carrinha, durante todo o tempo, excepto quando são forçados a actuar. Todos os felinos no Circo Victor Hugo Cardinali exibem distúrbios comportamentais muito agravados, o mesmo acontecendo não só com os elefantes e os chimpanzés, mas com todos os animais neste circo. O relatório “Basta de Sofrimento nos Circos” apresenta, extensiva e detalhadamente, todos estes factos.
Foram exibidas televisivamente, em telejornais da SIC e da TVI, imagens desta investigação, deste logo com Victor Hugo Cardinali, dono e director deste circo, a picar elefantes com um aguilhão-gancho de metal na zona dos olhos e da face destes animais, mais de 20 vezes seguidas, durante um espectáculo.
Em Dezembro passado, confrontado com estas acusações, Victor Hugo Cardinali respondeu, em declarações ao Rádio Clube Português, “Eu bati no elefante porque ele não queria fazer o exercício, e isso não nego. Nós não podemos deixar que um animal faça aquilo que quer, ou então não há respeito e o domador não está ali a fazer nada”. A TVI e a Endemol sabem destes factos e mesmo assim envolveram Victor Hugo Cardinali, os seus animais e o seu circo, neste programa vergonhoso, que faz a apologia do uso e abuso de animais em circos.
Por isso, tome uma atitude e não veja o vergonhoso programa exibido pela TVI.
Os animais não foram criados para o divertimento e gozo de pessoas. Não foram talhados para fazerem cambalhotas e para ficarem enjaulados toda a sua vida.
História Real: Os elefantes bébés após o seu nascimento são amarrados a uma corda relativemente grossa. Obviamnte eles tentam desamarrar-se mas ainda são demasiado pequenos para partirem a corda e fugirem. Durante toda a sua vida os elefantes são amarrados à mesma corda. Quando são adultos os elefantes conseguiriam com a maior facilidade libertar-se da corda, mas a verdade é que não tentam sequer porque a sua mente já consebeu que não conseguirão libertar-se, pois tem as memórias das tentativas falhadas quando eram pequenos.
Por isso não assista ao programa. Há melhores coisas para ver.

2 comentários:

Rute disse...

A televisão ja não sabe o que mais há de fazer para ganhar dinheiro. A TVI está decadente, os reallity shows que tem havido nada são pralem de entretem de velhotes e pessoas que não tem mais nada que fazer. Mas nunca pensei que chegassem a este ponto. Decandencia, mau gosto, e estar es consilio com o mau trato dos animais é de mais. Estes circus e estações de tv deviam ser processadas pela merda decadente e miserável que fazem. Talvez tivesse mais piada usarem algumas pessoas (que são uns autenticos animais, e muitos deles estão no proprio programa) em vez dos animais que são obrigados a fazerem parte desta palhaçada.
Tenho dito.
Tiago és um krido, so mesmo com insestencias deste género é que vamos conseguindo com que algumas pessoas caiam em si e não compactuem com esta nojeira.

Raquel disse...

não gosto de fazer comentários mas este tirou-me do sério.
É de facto vergonhoso que no nosso século se procedam a atrocidades destas e principalmente que as mesmas entrem todos os dias pelas nossas casas como a coisa mais natural do Mundo. Há que denunciar e não compactuar. Há mta coisa interessante num circo e é de facto, na minha opinião, uma arte. Não a é no que respeita aos animais.
Denunciem e sejam contra.
obrigada por dares a oportunidade de denunciar um assunto tão sério e a que se fecha os olhos

Adonde é que voces andam?